"Na terra dos sonhos podes ser quem tu és, ninguém te leva a mal..."

.posts recentes

. A vida em tempestade

. "Gato Esteves"

. Voei

. A Existência

. Férias

. Próxima paragem... Beja!

. O teu bem faz-me tão mal

. Estrutura monolítica das ...

. Humana vontade

. Não quero

.arquivos

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.favorito

. Perfumes

. "A nossa única riqueza é ...

. Caeiro e eu

. Porque...

. Amizade - o que é?

. Há coisas que nunca mudam

. Fazer o impossível

. Os direitos inalienáveis ...

. A nêspera

. Casamento

Domingo, 28 de Setembro de 2008

Este fim-de-semana

 

Este fim-de-semana queria só deixar umas palavras:

 

Alê Alê

Alê Alê

Vou ser Benfica até morrer!!!

 

O melhor clube do Mundo.

 

E mais não digo.

 

publicado por coisasquetais às 01:43
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sábado, 27 de Setembro de 2008

Nada custa

 

Nada custa mais,

Que uma solidão acompanhada.

 

E mais não digo.

tags: , ,
publicado por coisasquetais às 00:02
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 26 de Setembro de 2008

O que só a mim me diz respeito

 

"Os meus demónios só a mim me dizem respeito; são o meu segredo, o meu quinhão de liberdade, de intimidade, por mais inviável que ela seja. Tirarem-mos seria uma espécia de violação."

 

in "Os Órfãos do Mal" de Nicolas D' Estienne D' Orves

tags: ,
publicado por coisasquetais às 01:12
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 25 de Setembro de 2008

Sem paciência

 

Há muito que cá não deixo os meus pensamentos.

Os meus pensamentos próprios.

Muito por falta de paciência.

Não propriamente para aqui escrever.

Não propriamente para qualquer outra coisa.

Simplesmente, sem paciência.

 

Ver que o tempo passa e nada muda.

"Ainda tens muito sangue na guelra, Carolina...".

E é mau?

Se calhar é.

Ainda tento lutar pelo Mundo perfeito.

Ainda penso que é possível.

Ainda acredito.

 

Se calhar é inútil.

Se calhar é.

Mas se assim não for que sentido tem tudo isto?

 

Às vezes só me apetece baixar os braços.

E dizer: "Que se lixe tudo isto!", ou, "Quero lá saber!".

Mas não é verdade.

Não consigo.

 

Há dias em que não me suporto a mim mesma.

E hoje é um deles.

tags: ,
publicado por coisasquetais às 23:51
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 16 de Setembro de 2008

Amigos

 

"Às vezes, quando se é amigo, é melhor fingir que não se vê aquilo que não deve ser visto, por mais que isso nos custe. Em nome da amizade ou em nome de outras coisas mais difíceis de explicar. Mas cabe aos outros entender que estamos apenas a fingir que não vemos."

 

in "Equador" de Miguel Sousa Tavares

tags:
publicado por coisasquetais às 01:02
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 15 de Setembro de 2008

O Adeus e... O Regresso

 

"Acabámos de passar Reims. A maior parte dos outros carros vai em sentido contrário: é o regresso às aulas, a corrida aos materiais escolares, as recordações das férias, os rostos bronzeados, os grãos de areia nos sapatos. A rotina..."

 

in "Os Órfãos do Mal" de Nicolas D' Estienne D' Orves

tags:
publicado por coisasquetais às 01:24
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 14 de Setembro de 2008

Omeletes

 

"A ausência de resposta de Lisboa, pensou ele,

era típico do governo do país: querer omeletes sem ovos."

 

in "Equador" de Miguel Sousa Tavares

publicado por coisasquetais às 00:58
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 1 de Setembro de 2008

Há palavras

 

Há imagens,

Há atitudes,

Há coisas,

Que valem mais que mil palavras.

Para o bem e para o mal.

 

Mas há também palavras,

Que, por vezes,

Destroem qualquer imagem,

Qualquer atitude,

Qualquer coisa.

 

O problema

É esquecer essas palavras

É esquecer por quem foram ditas

Porque, por vezes,

Foi a primeira vez que ouviste

Tais palavras

De tal pessoa

E dás sempre o benefício da dúvida.

 

Mas pensas:

Será que devo?

 

Só o tempo o dirá.

tags: , ,
publicado por coisasquetais às 03:47
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds